Pular para o conteúdo

Salvador, Bahia, Brasil

SUP COM SEGURANÇA

Gustavo Kombi à vontade numa bomba em Puerto Escondido, México
Foto: Angel Salinas

O Stand Up Paddle surgiu na Bahia em 2009 com o encontro de alguns praticantes da categoria SUP Wave, aquela praticada nas ondas, já que naquela época ainda não se conhecia as pranchas de SUP Race, as que atualmente são muito usadas para as longas remadas. Um dos pioneiros deste movimento na Bahia foi o Gustavo Costa, o “Kombi”, um cara que desde o início se destacou surfando ondas grandes, ganhando competições e incentivando a modalidade do SUP Fish, que é a pesca com vara a bordo de uma prancha de SUP. Em 2011, com o meteórico crescimento, surgiu a Associação Baiana de Stand Up Paddle, a ABASUP, para organizar o esporte. De lá para cá, a entidade realizou vários eventos importantes, entre eles 8 etapas do campeonato brasileiro, 3 cursos nacionais de formação de instrutores e a criação de uma cartilha de segurança da modalidade com as seguintes orientações: usar o leash (corda de segurança) e o colete salva-vidas; informar um familiar ou amigo a rota de navegação quando for navegar em longas distâncias; nunca sair sozinho e sempre tomar conhecimento das condições climáticas e tábua das marés; em lugares pouco conhecidos, buscar informações com praticantes locais e pescadores; ter conhecimento das regras de navegação principalmente em lugares de trânsito de barcos, lanchas, navios e outras embarcações a motor; não navegar nas áreas destinadas ao fundeio de navios; não ingerir bebidas alcoólicas antes ou durante a prática; não permitir crianças desacompanhadas e, caso permita, usar o leash e o colete salva-vidas; ter atenção aos banhistas, nadadores e pequenas embarcações durante o acesso e regresso do mar. 

O SUP é um esporte fantástico, saudável e muito seguro quando praticado com as devidas orientações. Os que querem iniciar devem procurar uma escola ou um instrutor qualificado para aprender corretamente e de forma segura. Os mais experientes que querem aumentar seus limites, sigam treinando e cumprindo as orientações de rotina, pois vocês são as referências para aqueles que estão começando. Para todos os “supistas”, mantenham a harmonia no esporte e cuidem-se mutuamente porque somos uma grande família.

Zé Augusto

Zé Augusto

Presidente ABASUP